Picadas de insetos: reações são raras, mas podem ser graves

Saúde em Pauta

Picadas de insetos: reações são raras, mas podem ser graves
Picadas de insetos: reações são raras, mas podem ser graves

Deseja saber dicas de saúde para cuidar bem de você e de sua família, a fim de conquistar maior bem-estar e qualidade de vida? Aqui, você tem acesso a dicas de saúde relacionadas a alimentação, atividade física, saúde e bem-estar e também diversas curiosidades. Além de conhecer os principais profissionais de Araxá e região.

Picadas de insetos: reações são raras, mas podem ser graves

Médica alergista e imunologista da Unimed Araxá explica como proceder em casos de reações e dá dicas de prevenção

Com a chegada do verão, temos um aumento da proliferação de insetos e, ao mesmo tempo, crianças brincando ao ar livre, usando roupas leves e com pouca cobertura. Já sabemos o resultado disso: picadas de insetos por toda parte!  “No momento da picada o inseto injeta sua saliva na pele da criança e, sendo ela alérgica, o local poderá ficar inchado, avermelhado e coçando muito, o que pode durar até 10 dias. Casos mais graves podem ser acompanhados de infecção local, com feridas maiores e amareladas”, explica a médica alergista e imunologista da Unimed Araxá, Dra. Larissa Ribeiro.

Dra. Larissa Ribeiro. – Médica alergista e imunologista da Unimed Araxá,

Geralmente as lesões ocorrem em áreas expostas (braços, pernas e face) e são inicialmente bolinhas avermelhadas que aumentam de tamanho e podem endurecer. A maioria das reações são locais, sem complicações e leves; porém, até 3% dos adultos e 0,8% das crianças podem evoluir com reações generalizadas. As reações graves normalmente ocorrem com picadas de abelha, vespa, formiga e marimbondo. “Caso isso aconteça, o paciente deve ser levado rapidamente a um serviço de saúde capaz de atender casos de anafilaxia. Após o primeiro episódio, o especialista precisa ser procurado para realizar diagnóstico e tratamento corretos”, alerta.

Prevenção

É bem melhor prevenir do que tratar essas reações! Podemos fazer isso seguindo as dicas a seguir:

  • Coloque telas nas janelas ou feche-as antes das cinco da tarde, para que os insetos não entrem;
  • Coloque mosquiteiro de tecido fino sobre a cama de seu filho;
  • Quando a criança for brincar ao ar livre, vista-a com roupas finas, mas de mangas compridas e com punhos fechados para cobrir braços e pernas;
  • Elimine os formigueiros do quintal ou, se isso não for possível, vista a criança com calçados fechados;
  • Use repelentes próprios para crianças indicados por seu especialista.

Para os alérgicos

Se você é sabidamente alérgico, precisa tomar algumas precauções:

  • Evitar uso de perfumes adocicados ou fortes;
  • Andar sempre calçado em jardins e locais abertos;
  • Andar de botas em áreas rurais
  • Usar calças e blusas de manga longa;
  • Ter um plano de ação e segui-lo, inclusive com uso de adrenalina autoinjetável.
Saúde em Pauta

Deseja saber dicas de saúde para cuidar bem de você e de sua família, a fim de conquistar maior bem-estar e qualidade de vida? Aqui, você tem acesso a dicas de saúde relacionadas a alimentação, atividade física, saúde e bem-estar e também diversas curiosidades. Além de conhecer os principais profissionais de Araxá e região.

Mais postagens da coluna - Saúde em Pauta

DPOC: doença pulmonar é extremamente frequente, mas muito pouco conhecida

DPOC: doença pulmonar é extremamente frequente, mas muito pouco conhecida

29/06/2022
Dicas para reduzir o impacto do frio na saúde dos idosos

Dicas para reduzir o impacto do frio na saúde dos idosos

09/06/2022
Obesidade infantil:  por que as crianças estão engordando tanto?

Obesidade infantil: por que as crianças estão engordando tanto?

03/06/2022
Doença de Parkinson: idade é fator de risco, mas jovens também podem desenvolver

Doença de Parkinson: idade é fator de risco, mas jovens também podem desenvolver

24/05/2022
Dor de cabeça pode ser sinal de alerta para doenças graves

Dor de cabeça pode ser sinal de alerta para doenças graves

17/05/2022
Unimed Araxá completa 33 anos com mais de 40 mil beneficiários e 200 médicos cooperados

Unimed Araxá completa 33 anos com mais de 40 mil beneficiários e 200 médicos cooperados

11/05/2022
Fase de crescimento: quando crianças e adolescentes devem procurar um ortopedista?

Fase de crescimento: quando crianças e adolescentes devem procurar um ortopedista?

29/04/2022
Conheça o Programa de Atenção à Saúde da Gestante da Unimed Araxá

Conheça o Programa de Atenção à Saúde da Gestante da Unimed Araxá

18/04/2022
Aumento de casos de sífilis preocupa profissionais da saúde

Aumento de casos de sífilis preocupa profissionais da saúde

11/04/2022
Autismo: sinais podem ser percebidos nos primeiros meses de vida

Autismo: sinais podem ser percebidos nos primeiros meses de vida

04/04/2022
Tenho reumatismo. Posso fazer exercícios físicos?

Tenho reumatismo. Posso fazer exercícios físicos?

18/02/2022
Diagnóstico precoce ajuda no controle da doença de Alzheimer em mês de conscientização

Diagnóstico precoce ajuda no controle da doença de Alzheimer em mês de conscientização

15/02/2022