Você é preguiçoso ou proativo?

+Atitude

Você é preguiçoso ou proativo?
Você é preguiçoso ou proativo?

Comunicador, palestrante motivacional, empresário e empreendedor social. É presidente do Instituto Filantropia e diretor executivo da Zeppelini Editorial. Autor do livro "Comunicação e Marketing para Projetos Sociais" e do livro "Inspirações e Atitude!". Criador do programa "+Atitude" de inspiração e desenvolvimento humano.

Você é preguiçoso ou proativo?

O marido preguiçoso
Era uma vez uma professora que trabalhava muito. Ela tinha a virtude da proatividade, que é o contrário da preguiça. Não se podia dizer a mesma coisa de seu marido, que adorava ficar em casa deitado, vendo televisão. Eles tinham uma filhinha de 3 anos de idade.

Uma noite, antes de sair para dar aula, pediu ao marido que tomasse conta da criança, que ainda estava doente e precisava de cuidados.

Logo que ela saiu, o marido, preguiçoso e comodista, que como sempre estava vendo televisão, pediu à criança que lhe trouxesse um copo de água em vez de ele mesmo ir pegar.

A garotinha, proativa como a mãe, trouxe rapidamente uma caneca de água para o pai, que bebeu tudo. Passado pouco tempo, ele novamente pediu à menina que lhe trouxesse mais água. Prontamente, a menina saiu em busca de água. Passados alguns minutos, o pai se deu conta de que a garotinha estava demorando muito a voltar com a água. Então, escutou um barulho de água e de caneca batendo e, a contragosto, levantou-se para ver o que estava acontecendo.

Foi até a cozinha e a menina não estava lá. Então, voltando para a sala, percebeu que o barulho vinha do banheiro… Quando entrou, viu a menina tentando pegar um restinho de água que ainda restava no vaso sanitário, pois ela já tinha enchido uma caneca com a água dali e, agora, estava difícil encher outra… Foi então que o marido preguiçoso entendeu que tinha bebido água suja, do vaso sanitário – até porque ela não tinha altura suficiente para alcançar o filtro…

(Adaptação do livro: “Valores Humanos – a revolução necessária”)
Para ter algo, seja proativo.

Ninguém cresce na vida sem ser proativo. Ninguém! Até para se ganhar na loteria é necessário tirar a bunda da cadeira e ir até a lotérica fazer sua “fezinha”. Ou você acha que o bilhete premiado entrará voando por sua janela?

Nem um copo de água, nem um bilhete premiado. Tampouco uma promoção, um aumento salarial, um diploma, um cliente novo… E também não cai do céu a paixão da sua vida, o perdão de um amigo, um abraço caloroso de seu amor.

É assim na vida: se você quer algo, mexa-se! É melhor dar dois passos pro lado errado do que ficar parado e não saber qual é o caminho certo. Se você está com alguma coisa martelando na sua cabeça, não espere que alguém te traga a solução pronta… arregace as mangas e comece a procurar respostas. É garantido que, mesmo que não encontre os caminhos para sair daquilo que lhe aflige, você encontrará diversas oportunidades escondidas.

Então..
Se queres um emprego novo, saia para procurar em lugares que não tenham passado em sua mente.
Se queres um aumento ou promoção, saia de seu quadrado e ajude os colegas e outros departamentos para que a empresa (e toda a equipe) cresça.
Se queres encontrar o amor de sua vida, busque em lugares diferentes de onde você já tenha procurado (às vezes, ele/a está debaixo de seu nariz…)

Enfim… se queres algo, levante a bunda da cadeira e mexa-se!

Se essa inspiração fez parecer que eu estou bravo com você… não vou pedir desculpas. Era essa a intenção!

Um abraço inspirador,

Marcio Zeppelini

Em tempo: Ah… e se queres um Brasil melhor… busque conhecer os candidatos da próxima eleição e saia para votar naquele que te parece ser o melhor, independentemente se ele está em primeiro ou em último nas pesquisas.
É melhor dar dois passos pro lado errado do que ficar parado e não saber qual é o caminho certo. (MZ)

+Atitude

Comunicador, palestrante motivacional, empresário e empreendedor social. É presidente do Instituto Filantropia e diretor executivo da Zeppelini Editorial. Autor do livro "Comunicação e Marketing para Projetos Sociais" e do livro "Inspirações e Atitude!". Criador do programa "+Atitude" de inspiração e desenvolvimento humano.

Mais postagens da coluna - +Atitude

Na política, você é cego ou sábio?

Na política, você é cego ou sábio?

Marcio Zeppelini 28/09/2018
Sou seu amo: Quais são os seu desejos?

Sou seu amo: Quais são os seu desejos?

Marcio Zeppelini 21/09/2018
Você já disse “Eu Te Amo” hoje?

Você já disse “Eu Te Amo” hoje?

Marcio Zeppelini 30/08/2018
Tem “rato” roendo seus sonhos?

Tem “rato” roendo seus sonhos?

Marcio Zeppelini 22/08/2018
Você vai continuar sendo um palhaço?

Você vai continuar sendo um palhaço?

Marcio Zeppelini 16/08/2018
Você agradece o que tem?

Você agradece o que tem?

Marcio Zeppelini 08/08/2018
As flores encomendadas

As flores encomendadas

Marcio Zeppelini 25/07/2018
O que fazer com R$ 86.400,00 por dia?

O que fazer com R$ 86.400,00 por dia?

Marcio Zeppelini 12/07/2018
Você vive ou acumula?

Você vive ou acumula?

Marcio Zeppelini 05/07/2018
Isso não é problema seu?

Isso não é problema seu?

Marcio Zeppelini 20/06/2018
Quem anda te irritando ultimamente?

Quem anda te irritando ultimamente?

Marcio Zeppelini 06/06/2018
Você precisa ser empurrado ao abismo!

Você precisa ser empurrado ao abismo!

Marcio Zeppelini 31/05/2018