Bem Brasil – 2020
Procura por tratamento de bruxismo cresce durante a pandemia
Saúde

Procura por tratamento de bruxismo cresce durante a pandemia

Procura por tratamento de bruxismo cresce durante a pandemia

Busca pelo termo no Google aumentou 17% neste ano em comparação com 2019

Ranger e apertar os dentes com muita força podem ser sinais de bruxismo, condição que causa incômodo na região do rosto e fortes dores de cabeça. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que 40% da população brasileira sofre com esse hábito involuntário, que pode também causar um desgaste dos dentes.

E se o problema já incomodava muita gente, os casos intensificaram durante a pandemia, bem como a busca por informações relacionadas, como os sintomas e as formas de tratamento e prevenção. A pesquisa pelo termo “bruxismo” no Google teve, entre os meses de janeiro e novembro deste ano, um aumento de 17% quando comparado ao mesmo período do ano passado.

A justificativa estaria diretamente relacionada às tensões vividas no isolamento social. De acordo com o dentista e especialista em Saúde Coletiva na Neodent, João Piscinini, as emoções interferem na saúde bucal, e os pacientes que apresentam quadros de ansiedade e depressão acabam sendo mais suscetíveis a desenvolver o bruxismo. “Desde o início da pandemia, temos observado um maior número de pessoas procurando os consultórios odontológicos com queixa de dor e tensão nos maxilares e até mesmo com fraturas de dentes e restaurações. Isso pode estar relacionado às fortes emoções que acompanham o período de isolamento social. Medo, ansiedade, depressão e angústia são alguns dos fatores psicológicos que podem fazer com que o paciente involuntariamente aperte os dentes em um momento de estresse e tensão”, afirma.

O bruxismo acontece à noite, durante o sono, e muitos pacientes usam placas de acrílico para evitar o atrito entre os dentes. “Os tratamentos para o bruxismo são diversos e variam de acordo com a intensidade e frequência com que a condição é apresentada em cada paciente. Por isso, é importante que ao identificar sintomas como o tensionamento dos músculos do rosto, principalmente ao acordar, as pessoas busquem o atendimento de um dentista para uma avaliação e planejamento de um tratamento adequado”, destaca o especialista.

Praticar atividades físicas e ter momentos de lazer e relaxamento podem ajudar a diminuir os níveis de estresse e ansiedade, contribuindo para a prevenção do bruxismo. Ações simples como respirar fundo e ouvir uma boa música fazem total diferença na correria do dia a dia e proporcionam uma sensação de bem-estar, tanto para o corpo quanto para a mente.

Click – Super Banner – 2021
Saúde

Mais notícias da Categoria Saúde

Aberto processo seletivo para atuação na campanha de vacinação contra covid-1

Aberto processo seletivo para atuação na campanha de vacinação contra covid-1

Portal Araxá 12/01/2021
Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Portal Araxá 11/01/2021
Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Portal Araxá 08/01/2021
Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Portal Araxá 07/01/2021
Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Portal Araxá 05/01/2021
Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Secretaria de Estado de Saúde monitora situação do coronavírus em Minas Gerais

Portal Araxá 04/01/2021