Super Banner Bem Brasil
Zema assina decreto beneficiando pequenas empresas atingidas pelas chuvas no estado
Empresarial

Zema assina decreto beneficiando pequenas empresas atingidas pelas chuvas no estado

Zema assina decreto beneficiando pequenas empresas atingidas pelas chuvas no estado

Medida, solicitada em reunião com empresários e entidades comerciais, isenta cobrança do ICMS de ativos imobilizados e dos juros do imposto dos meses de janeiro e fevereiro de 2020

Com o objetivo de minimizar e reparar os danos causados a pequenas empresas pela chuva nos meses de janeiro e fevereiro deste ano no estado, o governador Romeu Zema assinou decreto concedendo benefício fiscal aos estabelecimentos localizados em municípios declarados em situação de emergência ou estado de calamidade pública. A medida foi determinada após reunião com empresários e entidades do comércio, no início de fevereiro, em Belo Horizonte, onde foram apresentados dados sobre os impactos dos temporais no comércio da capital mineira.

A assinatura do decreto foi realizada nessa quarta-feira (12/2), na Cidade Administrativa, e contou com a presença do coordenador estadual da Defesa Civil de Minas Gerais, coronel Rodrigo Rodrigues, o secretário adjunto da Secretaria de Estado de Fazenda (SEF), Luiz Cláudio Gomes, e do presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Marcelo Silva.

“Conseguimos a autorização do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) para não cobrarmos multa nem juros do ICMS, relativo aos meses de janeiro e fevereiro, do contribuinte atingido pela chuva que tenha que recolher até R$ 30 mil por mês. Para isso, ele deverá fazer o pagamento até 31 de março. Poderemos, alternativamente, parcelar o valor em seis vezes, a partir dessa data”, afirmou o governador.

O decreto prevê, ainda, benefícios para os empresários que precisaram investir em novos equipamentos para a manutenção das atividades em seus negócios. “Também conseguimos isentar o ICMS para aquisição de ativo imobilizado das empresas atingidas em até R$ 50 mil. A empresa que precisar comprar novos equipamentos para recompor os ativos que perderam na chuva, vão ter desconto integral do ICMS no recolhimento até R$ 50 mil”, completou o governador.

Zema lembrou, ainda, a disponibilização de linhas de crédito pelo Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) com melhores condições e prazos para as micro e pequenas empresas atingidas pelas chuvas. O BDMG Solidário contempla a oferta de carência intermediária de 6 meses para os municípios e empresas atingidas pelas chuvas e com decreto de calamidade.

Para as micro e pequenas empresas das cidades atingidas, o BDMG Solidário conta com condições bastante acessíveis: taxas de juros a partir de 0,83% ao mês, com pagamento em até 48 parcelas fixas e carência de até seis meses.

Crédito (foto): Gil Leonardi / Imprensa MG

TODOS CONTRA A VIOLÊNCIA INFANTOJUVENIL
Empresarial

Mais notícias da Categoria Empresarial

CBMM realizará testes de sirenes nos próximos dias 9 e 10 de julho

CBMM realizará testes de sirenes nos próximos dias 9 e 10 de julho

Portal Araxá 06/07/2020
ACIACRED oferece empréstimos a autônomos e micro e pequenas empresas em Araxá

ACIACRED oferece empréstimos a autônomos e micro e pequenas empresas em Araxá

Portal Araxá 03/07/2020
Cerca de 2% dos pequenos negócios encerraram as atividades em Minas Gerais devido a pandemia

Cerca de 2% dos pequenos negócios encerraram as atividades em Minas Gerais devido a pandemia

Portal Araxá 02/07/2020
Minas Gerais atrai empresas globais do segmento de bebidas

Minas Gerais atrai empresas globais do segmento de bebidas

Portal Araxá 02/07/2020
Prêmio CBMM de Ciência e Tecnologia reconhece legado de profissionais brasileiros

Prêmio CBMM de Ciência e Tecnologia reconhece legado de profissionais brasileiros

Portal Araxá 01/07/2020
Empresários usam recursos do BDMG para enfrentar efeitos da pandemia

Empresários usam recursos do BDMG para enfrentar efeitos da pandemia

Portal Araxá 24/06/2020