Vai viajar? Proteja-se contra o sarampo
Turismo

Vai viajar? Proteja-se contra o sarampo

Vai viajar? Proteja-se contra o sarampo

(foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)

O surto de sarampo no país acendeu o alerta para a necessidade de vacinação de crianças e adultos. Se você vai viajar, é importante verificar se está em dia com as doses da vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, rubéola e caxumba, conforme previsto no calendário nacional de vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS).

Os viajantes devem estar vacinados ou se vacinar 15 dias antes de embarcar para o exterior. Isso porque, na semana passada, o Brasil e mais quatro países da Europa (Reino Unido, Grécia, República Tcheca e Albânia) perderam o certificado de eliminação da doença. No primeiro semestre deste ano, Cazaquistão, Geórgia, Rússia e Ucrânia concentraram 78% dos casos na Europa. Nos EUA, o número de casos também é crescente desde o início deste ano.

No Brasil, a recomendação é duas doses a partir de 12 meses a 29 anos; e uma dose para a população de 30 a 49 anos. Os pais também precisam ficar atentos. Atualmente, há ainda a recomendação do Ministério da Saúde de aplicar uma dose extra, a chamada ‘dose zero’, em crianças de seis meses a 11 meses e 29 dias. Esse público está mais suscetível a casos graves e óbitos.

Se não houver esses cuidados, a viagem pode trazer surpresas desagradáveis. Além de pegar sarampo, a pessoa pode transmitir para outras pessoas, principalmente durante os deslocamentos em avião, ônibus e metrô. São ambientes fechados com grandes aglomerações de pessoas. Caso ocorra a contaminação pelo vírus, é importante que a pessoa perceba os sintomas e, ao chegar no destino final, procure imediatamente uma unidade de saúde e informe ao médico quais foram os destinos da viagem. A partir do caso suspeito, o Ministério da Saúde, em parceria com a Anvisa, inicia o bloqueio vacinal, ou seja, faz busca ativa de todos os passageiros que estiveram no mesmo voo.

Antes da viagem para áreas de risco, as pessoas – adultos e crianças – devem tomar alguns cuidados, tais como localizar a carteira de vacinação e ir com ela a uma das mais de 36 mil salas de vacinação do SUS ou de uma clínica particular credenciada, para renovar, se necessário, a vacinação contra sarampo, com pelo menos 15 dias de antecedência à viagem. Além de estar com a situação vacinal atualizada, o viajante deve incluir o cartão de vacinação entre os documentos da viagem.

Turismo

Mais notícias da Categoria Turismo

Que tal ganhar uma diária nestas Férias? Hotéis Tauá tem promoções exclusivas em Janeiro

Que tal ganhar uma diária nestas Férias? Hotéis Tauá tem promoções exclusivas em Janeiro

Portal Araxá 06/12/2019
Romeu Zema destaca importância do turismo para dinamizar economia do Estado

Romeu Zema destaca importância do turismo para dinamizar economia do Estado

Portal Araxá 04/12/2019
Black Friday do Grupo Tauá de Hotéis oferece até 50% de desconto na diária  

Black Friday do Grupo Tauá de Hotéis oferece até 50% de desconto na diária  

Portal Araxá 27/11/2019
Grupo Tauá de Hotéis é a melhor opção para as festas de final de ano

Grupo Tauá de Hotéis é a melhor opção para as festas de final de ano

Portal Araxá 21/11/2019
Vai para o exterior? Confira os países onde é obrigatório dar gorjeta

Vai para o exterior? Confira os países onde é obrigatório dar gorjeta

Portal Araxá 11/11/2019
Viagem em família em Dezembro – GRUPO TAUÁ DE HOTÉIS

Viagem em família em Dezembro – GRUPO TAUÁ DE HOTÉIS

Portal Araxá 30/10/2019